Vila Murtinho, onde sobra História, falta preservação

Vila Murtinho, onde sobra História, falta preservação

Estação Ferroviária de Vila Murtinho fronteira com a Bolívia Vila Murtinho, situada na confluência dos rios Beni e Mamoré, era a estação da E.F.M.M. mais movimentada. A razão consistia em ser o ponto de embarque das mercadorias dos produtores bolivianos como a borracha, a castanha, a copaíba, poaia, o camaru, além de ser o porto de desembarque das mercadorias vindas da Europa. Estas eram embarcadas com destino à “ Casa Suares” em Cachoeira Esperanza, sede dos serigais benianos. Nos dias da chegada dos trens, Vila Continue lendo

Trilhando a História conta a epopéia da Caravana FORD

Trilhando a História conta a epopéia da Caravana FORD

A equipe do Trilhando a História vai tentar reviver a grande aventura de 50 anos atrás da Caravana FORD. Partindo de Vilhena o Trilhando a História além de fazer reportagens sobre o que foi essa grande epopéia de homens que encararam a grande selva Amazônica, numa estrada de barro e atoleiros, irá produzir matérias sobre os municípios de Rondônia por onde a antiga BR 029 e hoje 364 corta. No final de 1960, uma equipe formada com motoristas e mecânicos do governo, além de particulares, Continue lendo

Aventura na Serra dos Pakaas

Aventura na Serra dos Pakaas

 Expedição Madeira-Mamoré Objetivo na Serra dos Pakaas. O Trilhando a História dessa semana encarou mais uma aventura no Parque dos Parecis na Serra dos Pakaas em Guajará-Mirim. Com os alunos do Colégio Objetivo-PVH que participavam da Expedição Madeira Mamoré 2011, a equipe do Trilhando fez trilhas e caminhadas em meio a grande Serra, passando por paisagens ecológicas de tirar o fôlego, constatação dos próprios alunos do Objetivo que vivenciaram essa grande aventura. Em 1979 foi criado o Parque Nacional de Pacáas Novos com o Continue lendo

O Bairro Caiary

O Bairro Caiary

O problema residencial nas décadas de 30 e 40 do século passado, em Porto Velho, era latente. O Diretor da E.F. Madeira Mamoré, Aluízio Pinheiro Ferreira, conseguiu a liberação de recursos financeiros junto ao Ministério de Viação e Obras Públicas, visando solucionar o problema. A construção das residências ocorreu na década de 40, situam-se nas Ruas Duque de Caxias e Santos Dumont, Avenida Presidente Dutra, Farqhuar, Carlos Gomes e Rogério Weber. Essas casas eram destinadas aos funcionários graduados da ferrovia, eram dotadas de sistema de Continue lendo

Vamos Trilhar a História em Abunã

O Trilhando a História novamente gravou na localidade de Abunã, Vila importante, pois no passado era a região das mais importantes da Estrada de Ferro Madeira Mamoré. A Estação de Abunã – km 211,5: Situa-se próximo da confluência dos rios Madeira e Abunã, junto à fronteira boliviana e próxima ao entrocamento da rodovia 425, que liga Porto Velho a Guajará-Mirim. O Distrito de Abunã é atravessado pela Br-364. Essa localidade se originou da exploração da borracha e castanha-do-Pará, tendo sido, em certa época, um núcleo Continue lendo

Nota de Domingues Júnior

Nota de Domingues Júnior

Ao invés de adeus, um até breve! Amigos telespectadores, caros colegas jornalistas, clientes, usuários, leitores: Durante 10 anos, desde que cheguei a Rondônia com minha família, dediquei esforço, inteligência, capacidade e criatividade para colaborar com o Sistema Gurgacz de Comunicação. Ao lado de uma valorosa equipe, consegui trilhar um caminho de conquistas, fortalecendo a programação local, criando através de vários programas um espaço de cidadania, utilidade pública, informação e interatividade. Uma das marcas registradas do trabalho implantado. Nesse período, abrimos horizontes com as transmissões de Continue lendo

Porto Velho e o neo-concretismo de Robert Nephew: um ensaio crítico

A história da arte é pródiga em exemplos de grandes artistas que tiveram suas obras incompreendidas no momento da produção, e morreram sem conhecer a glória do reconhecimento público. O mais notável deles foi Vincent van Gogh, que não conseguiu vender nenhum quadro durante sua conturbada vida no século XIX, embora atinja atualmente dezenas de milhões de dólares cada tela dele que vai a leilão. É também prodigiosa a transformação do conceito de arte ao longo do século XX. Desde que Marcel Duchamp pendurou um Continue lendo

Museu da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré

Museu da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré

Aleks Palitot na máquina número 12, primeira locomotiva da Amazônia O Museu ferroviário de Porto Velho é o resultado da luta da população pelos testemunhos da história regional, somada à sensibilidade do Governo de Rondônia. O Governador Jorge Teixeira de Oliveira atendendo ao apelo dos porto-velhenses, incumbiu-se de realizar o cadastramento do acervo restante da lendária Madeira-Mamoré visando à organização e instalação do Museu, no Galpão número 1, restaurado em 1981. Paralelamente, constituiu uma comissão composta pelo engenheiro Luís Gonzaga Ferreira, sargento João Dantas e Continue lendo