Palitot solicita informações sobre transporte escolar

Tempo de leitura: 2 minutos

Com o objetivo de obter esclarecimentos, o Professor Aleks Palitot esteve na tarde desta quarta-feira (20), na Secretaria Municipal de Educação (Semed), onde conversou com o títular da pasta, Marcio Félix, para confirmar o posicionamento do Executivo no caso do transporte escolar nas zonas rurais dos distritos da capital.

“Fomos à Semed solicitar explicação ao Secretário Municipal de Educação, acerca da decisão do Executivo em devolver para o Estado a responsabilidade de cuidar do transporte escolar, quando nós entendemos ser esta uma responsabilidade do município. O que queremos é esclarecimento do por quê disto e qual será a atitude do Secretário e da Prefeitura em relação à esta questão”, afirmou o Professor Aleks Palitot.

Na terça-feira (19), o professor Aleks Palitot em tom de desabafo falou que sua reação era a mesma que os alunos e os pais tiveram, a de indignação com o Executivo. Para o edil, o executivo permitiu que os vereadores da base passassem vexame.

Há cerca de 15 dias o Parlamento Mirim foi ocupado por manifestantes da Ponta do Abunã e indígenas que cobravam uma solução para as demandas daquela localidade, dentre as quais o transporte escolar.

Enquanto os procuradores se digladiam Porto Velho sofre um abandono, motivo pelo qual o vereador é favorável a uma CPI dos Transportes Escolares. “Sem politicagem, precisamos de sete assinaturas para descobrir o que está acontecendo”, questiona Palitot.

“Como é que o Secretário de educação e o representante do gabinete do Prefeito vem aqui fazem os vereadores irem ao Tribunal de Justiça, ao Ministério Público e em doze horas tentaram solucionar um problema de doze anos. Fizemos a nossa parte, aprovamos uma lei a qual questionei como iria assinar se o Prefeito está em viagem e não foi assinado”, se indigna o vereador.

Um agravo de instrumento da Segunda Câmara Especial do Tribunal de Justiça faz com que o Tribunal de Justiça retire do município a sua responsabilidade em relação ao transporte escolar. “é uma irresponsabilidade com estas crianças que estão fora de sala de aula, o município lavar as mãos. Fizemos a aprovação de um empréstimo para comprar ônibus e para que? Isto é um ato de irresponsabilidade e esta casa precisa ter firmeza, pois não restará nenhum vereador nas próximas eleições se não buscarmos aquilo que é correto”, declarou Palitot durante a sessão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.